u’ve got mail

Jan 28, 2015

KELLY SERVICES: SALÁRIO E PROGRESSÃO NA CARREIRA EM SEGUNDO PLANO PARA OS PROFISSIONAIS PORTUGUESES

Adquirir novas competências, conseguir equilibrar a vida profissional e pessoal e o compromisso social podem ser mais importantes que um salário mais elevado e a oportunidade de progressão na carreira, de acordo com os resultados do estudo Kelly Global Workforce Index. É entre os profissionais em Portugal que algumas destas preocupações mais se fazem sentir.

 

Logo_Kelly ServicesLisboa, 19 de janeiro de 2015 – Muitos profissionais parecem estar dispostos a abdicar de salários mais elevados e da oportunidade de ascensão na carreira face à oportunidade para adquirir novas competências, melhorar o equilíbrio entre vida pessoal e profissional e até a hipótese de realizarem funções com um compromisso social, de acordo com o estudo Kelly Global Workforce Index da Kelly Services.

 

Na Europa, em que mais de metade (57%) dos profissionais afirma que poderiam sacrificar melhorias salariais ou a progressão na carreira pela oportunidade de aprender novas competências, é em Portugal (72%) que se verifica o valor mais elevado nesta questão.

Melhorar o equilíbrio entre a função e a vida pessoal é também importante para os profissionais e existe um grupo considerável que se sente atraído por um trabalho com uma dimensão social. Em ambos os casos, é também em Portugal que estes aspetos são mais valorizados no contexto europeu.

Segundo Afonso Carvalho, Diretor Geral da Kelly Services Portugal, “torna-se notório nestes resultados que as organizações mais atrativas são aquelas que oferecem mais que salários e benefícios competitivos. Oferecem a oportunidade para desenvolver competências e para o profissional evoluir no desempenho das suas funções. Apesar de o salário constituir ainda um importante elemento no recrutamento e retenção de profissionais, estes valorizam de forma clara o seu crescimento em termos profissionais e a relação desta vertente com o seu tempo e relações pessoais”.

O Kelly Global Workforce Index (KGWI) é um estudo de caráter anual conduzido pela Kelly Services sobre o emprego e o ambiente de trabalho. Responderam ao inquérito para a edição deste ano do estudo 13.000 profissionais em Portugal, num total de quase 230.000 profissionais em 31 países.

NEWSLETTER

LISBOA
Edifício Castil
Rua Castilho 39 - 10ºE
1250-068 Lisboa

PORTO
Pólo Casa dos Ferradores
Rua Cândido dos Reis 137
4400-073 Vila Nova de Gaia

© 2020 Say U Consulting