u’ve got mail

Mai 2, 2022

Comunicação Pública: marketing político, mas não partidário

Comunicação Pública é diferente de comunicação governamental e de marketing político.

A comunicação governamental é a usada por um determinado governo e tem como objetivo a prestação de contas e estimular os governados para o reconhecimento e engajamento das políticas adotadas e das ações promovidas nos campos político, económico e social. É uma forma de um governo se fazer presente perante a população.

A comunicação política, ou marketing político, é uma forma de divulgação de um político ou de um partido, com foco no processo eleitoral. Tanto a comunicação governamental como a comunicação política procuram influenciar a opinião pública, usando como frequência a propaganda, procurando respostas rápidas e efeitos imediatos que possam ser ganhos pelas pesquisas e transformados em estratégias de campanha. A utilização, intensiva e extensiva dos media na competição por resultados eleitorais e/ou político-partidários é uma das suas caraterísticas.

Já o conceito de Comunicação Pública relaciona-se diretamente com a correta compreensão do termo “público“. Implica uma prática comprometida com a democracia e a construção da cidadania e supõe um posicionamento político (diferente de partidário). A abrangência é ampla e enquadra o “público” como o que convém e interessa a todos, legitimando a política de comunicação entre Estado e sociedade.

A Comunicação Pública é indispensável à democracia. Uma forma de garantir a liberdade e a autonomia da sociedade, tendo como principais fundamentos a diversidade e a diferença. É a comunicação que acontece no espaço público e tem como objetivo o interesse público.

Assim, a Comunicação Pública é composta por ações de informação, consultas de opinião e práticas de discussão e debate, em qualquer âmbito, e desencadeadas através de recursos públicos depois de processos de decisão transparentes, inclusivos e escrutináveis, críticas e movimentações da sociedade civil e funcionamento regular dos órgãos de fiscalização do Estado.

A Comunicação Pública existe para promover o bem comum e o interesse público, sem incorrer, ainda que indiretamente, na promoção pessoal, partidária (do partido do governo), religiosa ou económica de qualquer pessoa, grupo, família, empresa, igreja ou outra associação privada.

NEWSLETTER

LISBOA
Edifício Castil
Rua Castilho 39 - 10ºE
1250-068 Lisboa

PORTO
Pólo Casa dos Ferradores
Rua Cândido dos Reis 137
4400-073 Vila Nova de Gaia

© 2020 Say U Consulting