Responsabilidade para a sustentabilidade

No passado, a venda era realizada conforme uma empresa se conseguia posicionar através da publicidade, marketing ou Relações Públicas (RP) e dizia aos clientes o que achavam que estes deveriam saber sobre os seus produtos ou serviços. Mas hoje em dia, num mundo globalizado, os clientes só farão negócio se concordarem e gostarem da empresa, se os valores sociais corporativos estiverem de acordo com as suas ideias e se aqueles forem transparentes e conhecidos.

Esta é uma mudança significativa e as empresas têm de pensar no que significa para elas. Preço e qualidade são insuficientes se faltar credibilidade. As empresas têm de revelar o que são, como pensam, como tratam os outros e qual a sua visão do mundo.

Para conquistar a confiança de clientes, parceiros e mercado, siga algumas destas recomendações a nível de RP:

  • Analise com cuidado, e sob todos os aspetos, como comunica com a sua audiência. Certifique-se que todos os stakeholders percebem o seu ponto de vista e os seus valores e se identificam com eles.
  • Reveja a sua posição nas redes sociais e tenha em atenção que algumas delas estão sob forte crítica. Coloque a transparência no topo das prioridades porque é equivalente à confiança. A cultura da sua empresa tem de ser autêntica e transparente.
  • Publicite a suma marca e revele-a nos media. Destaque-se e divulgue a sua opinião. Na era das fake news a confiança está nos media com boa reputação.
  • Certifique-se que vai de encontro aos clientes oferecendo boas experiências no site e nas redes sociais, fazendo com que estes confiem naquilo que faz.
  • Disponibilize informação relevante sobre o seu serviço ao setor e clientes e cumpra as suas promessas. Faça o que diz que vai fazer e deixe que os seus valores corporativos se entranhem no DNA da empresa.

Em conclusão, esteja atento enquanto empresa ao que são as necessidades e desejos dos stakeholders e tente corresponder.