SUCCESS STEPS | Mulheres empreendedoras

Segundo um estudo realizado à escala global, Portugal é um bom país para o empreendedorismo e existem vários casos que provam isso mesmo.

A capacidade empática e a chamada “multitasking” das mulheres são pontos favoráveis da liderança feminina. Hoje, enunciamos alguns casos de mulheres que se distinguiram pelo seu trabalho e que provaram que “o mundo dos negócios” já não é, nem nunca foi, apenas um mundo de homens.

 

Mariana Santos – Chicas Poderosas

Mariana Santos é a fundadora do movimento “Chicas Poderosas”, projeto que nasceu na América Latina e que tem como missão criar competências às mulheres, relacionadas com a tecnologia. A portuguesa é ainda atualmente a CEO da Unicom Interactive, uma startup de renome, ligada aos conteúdos digitais.

 

Susana Sargento – Veniam

Susana Sargento é uma investigadora científica e professora da Universidade de Aveiro que criou, em 2012, a tecnológica Veniam, em conjunto com João Barros. A empresa desenvolve tecnologia que permite ligar automóveis em rede, transformá-los em pontos de acesso e recolher informação sobre os veículos, permitindo uma melhor gestão do tráfego e das redes de transportes públicos.

Susana Sargento foi distinguida pela Comissão Europeia com o Prémio Mulheres Inovadoras da UE 2016.

 

Sara do Ó – Grupo Your

Sara do Ó tinha apenas 26 anos quando criou a sua primeira empresa. Oito anos depois lidera o Grupo Your, com mais de 500 clientes, que emprega 70 pessoas e fatura 2,5 milhões de euros. Atualmente, além dessa mesma empresa, há mais seis de sectores distintos: seguros ou serviço, comunicação de marcas, recursos humanos e consultoria financeira.